maio 15, 2019

[DIÁRIO] SÉRGIO SANT’ANNA: MEIO SÉCULO DE LITERATURA

Sérgio Sant’Anna é um escritor carioca que nasceu para a literatura em Belo Horizonte, sendo um dos nomes mais vitoriosos da Geração Suplemento. O marco inicial de sua carreira, o lançamento do livro de contos O sobrevivente, completa 50 anos neste 2019, atingindo a marca de seu contemporâneo Luiz Vilela, cujo cinquentenário de estreia em livro foi saudado por este Suplemento Literário de Minas Gerais (SLMG nº 1375, de novembro/dezembro de 2017). Os jornalistas João Pombo Barile e André Nigri palmilharam a trajetória de Sérgio, como pode ser lido a partir da página 3, um documento ao qual acrescentamos os testemunhos dos seus companheiros de viagem Sebastião Nunes e Angelo Oswaldo e de seu filho André, que vem lhe seguindo os passos na literatura.
Outro importante intelectual mineiro, Jacyntho Lins Brandão, recém empossado na Academia
Mineira de Letras e tradutor de textos da antiguidade, nos revela aqui sua face poética, através de
cinco sonetos sobre nada. João Batista Santiago Sobrinho tem sua poesia estudada por Ana Paula
da Costa, Yeda Prates Bernis mostra sua poesia em prosa e Mário Alex Rosa verseja sobre a unha do poeta, fechando o número.
Temos ainda o conto “Guri”, do gaúcho Lucio Carvalho, e um exercício de memória do mineiro
Edgard Pereira, mostrando dois aspectos diversos da ficção brasileira.
O desenho da capa e as outras duas ilustrações desta edição são de autoria de Carlos Wolny”

 

O Suplemento MG publicou em sua edição 1.383 (Março/Abril 2019) um especial sobre os cinquenta anos anos da publicação do livro O Sobrevivente, do escritor Sérgio Sant’Anna! Clique aqui ou na imagem abaixo e leia agora gratuitamente!

 

 

Adquira os livros de Sérgio Sant’Anna na Amazon, clique aqui.

novembro 20, 2018

[LETRAS] ÚRSULA E OUTRAS OBRAS, DE MARIA FIRMINA DOS REIS

 

Quanto mais Úrsula, melhor! A Edições Câmara, da Câmara dos Deputados, disponibiliza gratuitamente para download o livro Úrsula e outras obras, de Maria Firmina dos Reis. Integra a edição, com introdução do professor Danglei de Castro Pereira, o romance Úrsula, os contos Gupeva A Escrava, além da coletânea de poesias Cantos à beira mar. Vale muito a pena ler e conhecer Maria Firmina dos Reis e você pode começar agora, basta clicar aqui!

A Edições Câmara tem a satisfação de publicar esta coletânea com as obras de Maria Firmina dos Reis. O trabalho desta maranhense foi ignorado por mais de um século e continua pouco conhecido apesar das tentativas de resgate realizadas a partir da década de 1970.

Além de seu texto mais publicado, o romance Úrsula, incluímos o conto abolicionista A escrava e o indianista Gupeva, e sua reunião de poesias Cantos à beira-mar, todos pela sua inequívoca qualidade literária.

A importância da obra de Firmina, primeira escritora negra de que se tem notícia em nossa literatura, se deve ao pioneirismo na denúncia da opressão a negros e mulheres no Brasil do século XIX.

Antes do Navio negreirode Castro Alves, declamado pela primeira vez em 1868, Firmina já descrevia em seu livro Úrsula, de 1859, a crueldade do tráfico de pessoas sequestradas na África e transportadas nos porões dos “tumbeiros”.

Neste mesmo romance, a crítica da escritora abrange o retrato lamentável da condição feminina da época ao delinear personagens como o pai de Tancredo ou o comendador, tiranos não só de escravos, mas também de mulheres.

Maria Firmina foi uma voz profundamente legítima e dissonante que não encontrou acolhida e reconhecimento em seu tempo. Longe de fracassar, essa voz ressoa hoje cheia de significado, recriminando males que ainda assombram e permeiam nossa sociedade.

Assim,  visando  cumprir  nossa  missão  institucional  –  orientada  pela promoção  da  cidadania  e  fortalecimento  da  democracia  –,  oferecemos  a nossos leitores esta reunião de obras de Maria Firmina dos Reis, certos de que fazemos justiça a esta grande escritora rasileira incluindo-a em nossa série de clássicos.

 

 

Para quem nao abre mão do livro em papel, a Livraria da Câmara vende a edição impressa a um ótimo preço (comprei por R$ 7,00) e com frete grátis. No momento desta publicação, contudo, as vendas pela loja virtual estão suspensas.

novembro 08, 2018

[CONTOS] ANTOLOGIA CONTOS DE NATAL, DA LURA EDITORIAL

Sinopse: “Os sinos tocam as dozes badaladas. É Natal! Os presentes estão em volta da árvore, decorada com as luzes que piscam incessantemente, lembrando a todos que é o momento de harmonia e união. É neste dia que a magia invade todas as casas e ali reina o sentimento mais puro e verdadeiro: a esperança de sempre enxergar algo melhor.

Nesta obra, que tem a curadoria de Daniel Moraes, organizador da antologia “O Canto dos Contos”, o leitor encontrará a verdadeira essência do Natal, nas palavras extraídas de sábios escritores que com muito esmero, nos farão rir e se emocionar com as mais belas histórias de Natal. Merry Christmas!”

 

O natal é a minha data favorita do ano. Sério, é mais especial para mim do que o meu próprio aniversário! Eu adoro sair de casa e ver as ruas e as lojas bem enfeitadas, finalizar uma ligação no trabalho desejando boas festas, adoro cozinhar os pratos típicos… enfim, acho que você já percebeu que eu realmente AMO o natal! Por ter verdadeira adoração por essa época do ano, quando a Lura Editorial divulgou o edital para a submissão de contos para uma antologia natalina, eu fiquei muito entusiasmada e não poderia deixar de pelo menos tentar  participar desse livro! Bem no finalzinho do prazo (ora, ora!) eu mandei uma versão reduzida e com algumas alterações do conto O natal em que tudo mudou, que eu escrevi no ano passado. Algum tempo depois eu recebi um e-mail do organizador, Daniel Moraes, informando que o meu conto havia sido aprovado.

 

 

Estou ansiosa para ler todas essas histórias! Sobre o meu conto na coletânea, a sinopse da versão definitiva é a que vem a seguir:

“Myriam era uma senhora querida por sua família e vizinhança. Por muitos anos, passara boas horas na véspera de natal fazendo rabanadas e outras delícias que ela gostava de comer e oferecer aos amigos nesta data. Não era religiosa, mas o natal sempre fora a sua data favorita no ano inteiro. Agora ela estava morta. E seria velada na data mais especial do ano.”

 

 

Em breve a coletânea Contos de Natal estará à venda no site da Lura Editorial e também na minha lojinha na Amazon.

 

 

12

Tamires de Carvalho • todos os direitos reservados © 2019 • powered by WordPressDesenvolvido por