março 18, 2019

[LANÇAMENTO] PERSUASÃO, DE JANE AUSTEN, PELA VIA LEITURA (EDIPRO)

Sinopse: “Último romance escrito por Jane Austen, Persuasão acompanha a jornada de autoconhecimento e redenção de Anne Elliot. Uma das obras mais célebres da autora ganha agora uma edição para colecionador em capa dura. A senhorita Elliot, filha de um importante — porém falido — baronete, de repente se vê obrigada a conviver com um amor do passado. Anos antes, Anne aceitara se casar com Frederick Wentworth; contudo, pelo fato de ele não ser rico nem influente, ela foi persuadida pela família e por uma grande amiga a romper o noivado. Agora, Wentworth retorna à cidade com um título de oficial da marinha, bastante dinheiro e o objetivo de se casar. Com o coração pesado de arrependimento, Anne terá de vê-lo cortejar outras moças, ou será que ainda há esperança de eles viverem um grande amor? Publicada postumamente, em 1818, a história da senhorita Anne Elliot e do capitão Wentworth conquista leitores desde então e ampliou o legado literário de uma das maiores autoras da literatura mundial.

 

Quanto mais Jane Austen melhor: A Via Leitura, selo editorial do grupo Edipro, está lançando uma edição lindíssima em capa dura do livro Persuasão! A edição, que também está disponível em e-book, pode ser comprada na Amazon neste link.

A Raquel Sallaberry, do blog Jane Austen em Português do Brasil, referência em Jane Austen em língua portuguesa, entrevistou a tradutora desta edição de Persuasão, Carla Bitelli. Confira a postagem na íntegra clicando aqui (vale muita a pena a leitura).

março 05, 2019

[LANÇAMENTO] GRANDES OBRAS DE JANE AUSTEN, BOX 2 NOVA FRONTEIRA

Sinopse: “Poucos romancistas conseguiram transmitir as sutilezas e nuances de seu próprio meio social com a inteligência e a perspicácia de Jane Austen. Uma das principais romancistas da literatura mundial, consagrou-se pela ironia presente em seus romances, repletos de diálogos afiados. Neste boxe estão reunidas três grandes obras da autora. “Mansfield Park” (1814) é considerado o romance mais ambicioso e profundo de Jane Austen. Em “Abadia de Northanger” (1818) é feita uma paródia ao romance gótico, muito em voga na Inglaterra na segunda metade do século XVIII. E “Persuasão” (1818), uma sátira da sociedade provinciana inglesa do início do século XIX, é considerado o mais maduro e bem-realizado romance da memorável carreira da escritora.”

 

Se você, assim como eu, comprou o box/caixa Grandes obras de Jane Austen, incluindo os títulos Orgulho e Preconceito, Emma Razão e Sentimento, e estava esperando (e pedindo encarecidamente o box com as outras obras nas redes sociais da Nova Fronteira) já pode começar a guardar as moedinhas de troco do pão! comemorar! A Nova Fronteira está lançando o box 2, com os outros três romances consagrados e indispensáveis para quem quer ler Jane Austen: Mansfield Park, A Abadia de Northanger Persuasão. 

 

Adicione à sua lista de desejos (ou compre agora mesmo!): Box Grandes Obras de Jane Austen 2.

 

Capa do box e capas individuais dos livros “Mansfield Park”, “A Abadia de Northanger” e “Persuasão”.

 

 

 

Sobre a caixa lançada anteriormente, se você busca uma boa edição, que combine beleza e texto de qualidade, sugiro que considere comprar as edições da Nova Fronteira. Não é a única no Brasil que seja de qualidade, mas é uma das melhores. Prova disso é que eu tenho edições dos livros de Jane Austen de outras editoras e mesmo assim comprei o box 1 (e também vou comprar o 2, não me julguem!). Veja as informações do box/caixa 1 abaixo:

 

Sinopse: “Jane Austen foi uma das romancistas mais populares da literatura mundial. Publicados originalmente no século XIX, seus livros causam encantamento no público até hoje e já ganharam diversas adaptações no cinema e na TV. Neste boxe especial da Nova Fronteira, encontram-se as três obras mais importantes da carreira da escritora inglesa, com as renomadas traduções de Lucio Cardoso e Ivo Barroso. Orgulho e preconceito é uma comédia de costumes em que Jane Austen mostra os perigos do julgamento à primeira vista e evoca as amizades, fofocas e vaidades da classe média provinciana. Em Razão e sentimento, as irmãs Dashwood, após a morte do pai, terão que lidar com as convenções de uma sociedade extremamente rígida, em que sofrerão as desilusões e os desafios da busca pelo amor. Já Emma narra a história de uma menina linda, inteligente e rica que acredita que não precisa de envolvimentos amorosos. Porém, ao tentar resolver a vida romântica dos outros, a inexperiência e os erros de julgamento sobre as próprias emoções rendem a Emma muitas surpresas e decepções. Um boxe imperdível para os fãs de um bom romance.”

Compre na Amazon: Grandes Obras de Jane Austen – Caixa.

 

 

 

Se você nunca leu nada de Jane Austen, saiba que ela é o tipo de autora que muda a nossa percepção sobre os sentimentos e a vida em sociedade. Nunca mais fui a mesma depois que li Jane Austen pela primeira vez. Tenho o projeto de reler pelo menos dois de seus livros a cada ano, de tanto que gosto! Uma vez, olha só que orgulho, tive um texto meu publicado no site Minas Nerds sobre Jane Austen (quer ler? Clique aqui!), além de ter começado a colaborar com o saudoso blog Escritoras Inglesas a partir de uma resenha (que precisa ser refeita urgentemente) do livro Razão e Sensibilidade. Ainda, a tia Jane me ajudou a escrever Anne Emma, dois continhos fofinhos inspirados nos seus romances Persuasão Emma, respectivamente. Acho que você já entendeu que eu sou muito fã, não é?! Quero você também nesse clube, o clube das/dos Jainetes!

Importante: para quem não está habituado à leitura de romances clássicos não precisa ter receio: Jane Austen não tem um jeito de escrever rebuscado, com muito floreamento e palavras complicadas, embora tenha sutilezas que careçam de duas ou mais leituras para que possamos entender em profundidade. Escolha um romance, leia e depois me conta (sugiro não começar por Mansfield Park, mas se quiser, pode).

fevereiro 21, 2019

[LANÇAMENTO] AUSTENAPP: UM DARCY PARA CHAMAR DE MEU, DE KATHERINE SALLES

Sinopse: Bel e Ana Catarina são melhores amigas unidas por uma paixão em comum: Jane Austen.
Foi durante o Carnaval carioca, no restaurante Norte & Angi, que a paulistana Ana Catarina conheceu o namorado, o cavalheiro que possui a barba mais sexy que ela já viu. Ela é uma estudante de jornalismo, porém, em meio período trabalha em um Pet Shop, afinal ainda não está em posse de uma boa fortuna e precisa de bons rendimentos anuais para pagar a própria faculdade.
Entre problemas no trabalho, com a mãe, o padrasto violento, e a infinita saudade de Rique, com quem namora à distância, Ana Catarina cria um aplicativo de namoro – o Austenapp – que vira febre entre a comunidade Janeite.
Já Bel, que é uma jovem e independente aspirante à escritora, não perde a oportunidade de criar uma conta nele para quem sabe encontrar um Darcy para chamar de seu e de quebra ouvir que ele a ama ardentemente.
Ao conseguir o dinheiro para realizar seu sonho de ir ao Jane Austen Festival, em Bath, Inglaterra, Ana Catarina não tem dúvidas de que é isso que precisa para colocar o relacionamento e a vida nos eixos.
No entanto, o que era para ser uma viagem romântica com seu amado, se torna um conjunto de mal-entendidos, e ela é persuadida pela madrinha a viajar sem o namorado.
Enquanto isso, Bel permanece na cidade maravilhosa em uma busca frenética por terminar seu TCC e resolver suas próprias, e nada fáceis, questões amorosas.
Em Bath, Ana Catarina se depara com a produção de um reality show chamado “Pemberley Hotel”, uma espécie de Big Brother Austeniano, e decide se candidatar ao confinamento, aceitando assim, viver por alguns meses como vivia sua autora favorita: sem chuveiro elétrico, micro-ondas, e principalmente, sem seu celular. Ah, e com um detalhe: rodeada de câmeras escondidas em cada canto da suntuosa propriedade. O prêmio? Uma alta soma em dinheiro que pode garantir sua estabilidade financeira. Sem contar na vista privilegiada de um alto número de cavalheiros de coxas torneadas dentro de reveladoras calças apertadas.
Será que sofrer na Terra da Rainha tem um sabor especial? E em casa de ferreiro, o espeto é mesmo de pau?
Uma história com uma boa dose de drama e beijos apaixonados, mas também do humor universalmente conhecido de Jane Austen; sobre amizade, amor, e principalmente sobre o empoderamento feminino.”

 

Já está disponível na Amazon o e-book AUSTENAPP: um Darcy para chamar de meu! Esse é um projeto que eu pude acompanhar bem de perto, pois fui uma das leitoras beta da Katherine Salles, e estou muito feliz com essa publicação! Não é de hoje que eu falo do talento da Katherine, e com AUSTENAPP ela alcançou um nível ainda maior de qualidade e venceu o desafio de escrever um romance ao mesmo tempo complexo e gostoso de ler. Se você é fã de Jane Austen e gosta de livros recheados de referências à nossa querida autora inglesa (e muito mais!), não pode perder esse lançamento!

 

Minhas reações logo após ler a primeira versão (sim, eu guardo meus e-mails por séculos):

EU ACABEI DE LER AGORA, NÃO SEI O QUE EU FAÇO NO RESTO DO DIA (ALÉM DE TRABALHAR, FAZER JANTA, CUIDAR DA OLÍVIA ETC). Acho que essa história tem grande chance de ser sucesso e eu vou torcer muito por isso. Adorei as referências, me envolvi muito com os personagens, amei o livro! 

Austenapp me deixou com uma ressaca enorme! E isso é um ótimo sinal, pois a versão final tem tudo para ser ainda melhor!

 

AUSTENAPP: um Darcy para chamar de meu está disponível também para assinantes Kindle Unlimited.

Tamires de Carvalho • todos os direitos reservados © 2019 • powered by WordPressDesenvolvido por