[RESENHA] CHAPEUZINHO AMARELO, DE CHICO BUARQUE, COM ILUSTRAÇÕES DE ZIRALDO

[RESENHA] CHAPEUZINHO AMARELO, DE CHICO BUARQUE, COM ILUSTRAÇÕES DE ZIRALDO

Sinopse: “Chapeuzinho Amarelo conta a história de uma garotinha amarela de medo. Tinha medo de tudo, até do medo de ter medo. Era tão medrosa que já não se divertia, não brincava, não dormia, não comia. Seu maior receio era encontrar o Lobo, que era capaz de comer “duas avós, um caçador, rei, princesa, sete panelas de arroz e um chapéu de sobremesa”. Ao enfrentar o Lobo e passar a curtir a vida como toda criança, Chapeuzinho nos ensina uma valiosa lição sobre coragem e superação do medo. Já em sua 40º edição, este clássico de nossa literatura infantil vem encantando gerações e gerações de leitores. O livro de Chico Buarque recebeu, em 1979, o selo de “Altamente Recomendável”, da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ), e, em 1998, Ziraldo conquistou o Prêmio Jabuti na categoria Ilustração.

 

Chico Buarque e Ziraldo juntos: o que mais eu poderia dizer para recomendar este livro?

Chapeuzinho Amarelo é daqueles livros que a Olívia sempre pede para relermos, porque ela gosta e também porque creio que se identifica com alguns medos da protagonista. Como temos este  livro no formato e-book, fica bem legal e fácil de ler antes de dormir, pelo celular mesmo, ampliando a tela quando necessário. Já lemos também transmitindo para a televisão com o Chromecast: ficou enorme, incrível!

(Livros com ilustrações coloridas não são muito legais de ler no Kindle).

Particularmente, gosto muito de ler este livro em voz alta. Os versos de Chico Buarque tem uma sonoridade tão bacana que, quando dou por mim, estou mais cantando do que simplesmente lendo o livro. Chapeuzinho Amarelo é uma menina que, de tanto ter medo das coisas, já não fazia nada. De todos os medos que ela tinha, havia um que era o maior de todos. Mas, como grande parte dos medos que temos na vida, principalmente os dessa fase da infância, Chapeuzinho logo encontra um novo jeito de encarar tudo aquilo que a paralisa, com muita coragem e superação. E percebe que nem tinha lógica sentir tanto medo assim.

Chapeuzinho Amarelo ganhou o Jabuti de ilustração (1998) e é “altamente recomendável para crianças”, segundo a Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil, desde 1979! Aqui em casa, recomendamos também!

 

 

Título: Chapeuzinho Amarelo

Autor: Chico Buarque

Ilustrações: Ziraldo

Editora: Autêntica

Páginas: 36

Compre na Amazon: Chapeuzinho Amarelo

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *